5 de março de 2017

A consciência muitas vezes nos dilacera a alma.Mas o que seria de nós na sua ausência? Entretanto,o que nos resta da alma?





28 de fevereiro de 2017

divagações no carnaval

Você já parou para pensar em como você se tornou a pessoa que é? Será que você se tornou a pessoa que gostaria de ser? Essas são as perguntas que rondam minha cabeça na atual conjuntura da vida. Ou melhor,será que o meu eu passado ficaria feliz com o meu eu presente? São tantas interrogações que fica demasiadamente difícil saber se tomei as escolhas corretas,isso é,se é que existe essa tal coisa de escolhas corretas.Por que afinal,o que faz uma escolha ser errada? 

27 de julho de 2014

Reflexões de um domingo chuvoso

Estamos sempre em buscar de uma resposta que mudará nossa vida.Mas e se não existir uma resposta?
Possuímos essa tendência não realista da vida e temos a inocência de acreditar que quando dermos o próximo passo a vida ficará mais clara e segura.Entretanto isso é um ilusão.Criamos tal pensamento apenas para abrandar o temido sentimento de instabilidade e a falta de coragem que nos inunda a alma.Mas o que é a vida se não um amontoamento de insegurança e assombro perante ao futuro?
(...)
Temos um medo imaginário do desconhecido e por isso criamos soluções utópicas para ligar com tal sentimento.Temos essa tendência de acreditar no inverossímil.Abraçamos o mundo de maneira covarde e vivemos a vida erroneamente.Esse é o nosso maior pecado,e provavelmente o único.

Talvez seja a hora de voltar