10 de outubro de 2010

importar.

Algumas vezes simplesmente não nos importamos. O mundo pode cair bem embaixo de seus pés ,e tudo o que nos fazemos e fechar os olhos e achar que isso vai amortecer a queda.Fechamos os olhos para aquilo que não queremos ver.Isso talvez seja uma maneira de fugir de nos mesmos.Não queremos ver quem somos,o que estamos nos tornado,o lugar onde estamos nos enfiando.Não sabemos nada,e não queremos.E achamos que se nos esconder, as soluções dos problemas apareceram bem em frente ao nossos olhos.Mas fazemos isso sabendo que é perda de tempo.Porque por mais distantes que estamos,quando mais corrermos,quanto mais fundo seja o buraco que estamos,os problemas,as soluções,os medo acabam nos encontrando.Isso quer dizer que podemos falar que não ligamos,que não nos importamos.Mas falar isso é só mais uma maneira de gritar bem alto,para quem quiser ouvir que apenas: estamos cansados de nos importar,porque machuca,nos quebra em pequenos pedaços.

5 comentários:

Pitti disse...

tentar fugir
as vezes é a unica salvação
na imaginação de alguem que não tem a minima ideia do que fazer
fato
http://agbcinderela.blogspot.com/

refugiodiario disse...

"Não importa o quanto você se importe, algumas pessoas, simplesmente, não se importam."
Lembrei dessa frase e do quanto eu a amo. *-*
parabéns ;)

Stcilf disse...

Mas às vezes não se importar é simplesmente se dar conta de que algumas coisas, embora possam parecer o fim do mundo, na verdade nem merecem tanta atenção.
Aliás, tentar fugir durante a vida toda é desperdiçar uma vida toda... você pode estar na merda, mas pode ter certeza que uma hora ou outra a roda vai girar e você volta pro topo por um tempo :)

Igor disse...

legal o blog


http://downsclike.blogspot.com/

amanda disse...

A gente só mostra que não se importa com algo que realmente um dia nos importamos. Porque se não nos importássemos de verdade, nem pensaríamos em não nos importar. Complexo, rs. Adorei o post s2

Postar um comentário